Início > Windows Live > Exchange ganha ferramenta para importar arquivos PST

Exchange ganha ferramenta para importar arquivos PST

 

Formato é utilizado pelo Outlook para armazenar e-mails em um computador local, mas é um obstáculo para a segurança corporativa.

Com o objetivo de ajudar administradores a livrar sua rede de e-mails pessoais, a Microsoft liberou uma ferramenta para encontrar e importar arquivos PST do Outlook para ambientes do Exchange. Ela também auxiliará a gigante a abandonar o formato, que não é mais visto como necessário.

Os clientes do Exchange já reforçaram que “recursos de importação são importantes para avançar nos negócios”, disse Ankur Kotahri, gerente de produtos para o aplicativo, via blog oficial.

Chamada de PST Capture, a ferramenta consegue procurar em uma rede e identificar arquivos PST, para, em seguida, importá-los para as contas inscritas no Exchange Online e no Exchange Server. A Red Gate, parceria da Microsoft, desenvolveu o recurso, que foi testado e agora liberado para todos.

O Outlook costuma criar arquivos em PST (Personal Storage Table) para arquivar e-mails em um computador local, em vez de inseri-los na rede. Na última década, porém, muitas empresas geraram inúmeros dados nesse formato, seja para acessá-los mesmo sem conexão à Internet, seja porque o limite de armazenado já havia estourado.

Leia mais: Quatro tecnologias que vão revolucionar o mercado corporativo

A prática, no entanto, preocupa administradores, já que arquivos confidenciais podem ficar desprotegidos. Também impõe uma dificuldade na hora de fazer o back-up, pois as mensagens se espalham por diferentes computadores e, por vezes, em pastas distintas. “PSTs geram problemas”, admitiu Kothari, em videoconferência.

Além disso, acredita a Microsoft, não há mais necessidade de utilizá-los. Atualmente as corporações possuem suficiente espaço de armazenamento e não temem ultrapassar suas cotas. O Exchange 2010, por exemplo, inclui um recurso que torna o processo automático, identificando os e-mails que precisam ser guardados e os que podem ser eliminados – o que contribui uma melhor utilização do espaço.

É verdade que o Exchange já consegue importar arquivos PST através do comando PowerShell New-MailboxImportRequest, porém, o novo recurso facilita consideravelmente a tarefa e exibe uma interface gráfica intuitiva.

(Joab Jackson)

Fonte: http://idgnow.uol.com.br/computacao_corporativa/2012/02/01/exchange-ganha-ferramenta-para-importar-arquivos-pst/

Categorias:Windows Live
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: